sexta-feira, 29 de novembro de 2013

Como

Como é que eu vou conseguir tirar suas coisas de dentro da minha casa?
Como é que eu vou deixar de ter ver morando na mesma pequena cidade?
Como é que eu vou conseguir dormir sem antes escutar sua voz?
Como é que eu vou escutar Nando Reis sem me debulhar em lágrimas lembrando de ti?
Como é que eu vou tentar te tirar do meu coração?
Porque você deixou eu me apaixonar e depois foi embora??
Tantas perguntas e sem você aqui para respondê-las...

sexta-feira, 22 de novembro de 2013

CLÁSSICOS

E atire a primeira pedra quem nunca viu esses produtos ai abaixo hein????

Esse polvilho Papai usava muito.

Nunca faltava lá em casa.

Esse era o the best off dos creme rinses. kkkk

Adorava esse cheirinho!!!

O bom é velho leite de rosas, até hoje uso.

Esse também uso muito, todas as noites antes de dormir.

O único que entra na casa dos coroas.

Detesto o cheiro e tenho trauma até hoje, pois na minha adolescência, o acne reinava. 

Era louca pra usar, mas mamis dizia que era coisa de mulher madura. kkkk


O saudade daqueles tempos, onde as coisas eram tão mais fáceis;

TODAS AS IMAGENS ACIMA DO GOOGLE.

terça-feira, 19 de novembro de 2013

Eita Faxina!!!!

São 09:12 e eu procurando a coragem perdida pra começar minha faxina de natal.
Pois é, a casa tá tão suja que quando ando faz um barulho gosmento. kkkkkk, não tá pra tanto não!!!
Mas pra quem já teve TOC de limpeza, a casa tá o óooooooooooooooo.
Ai andei olhando os blogs e sites de organização de casas e achei o da THAIS GODINHO, o vida organizada e amei esse cronograma que ela fez, quem quiser dá uma olhada no site dela: http://vidaorganizada.com.


Imagem google

Cronograma diário


É onde você listará as tarefas que precisa fazer diariamente. Já conhecendo o ritmo da sua casa, você conseguirá montar essa lista em instantes. Segue uma sugestão:

·                       Arrumar a cama
·                       Lavar a louça
·                       Trocar as lixeiras
·                       Limpar a pia do banheiro
·                       Limpar a pia da cozinha
·                       Recolher o que está fora do lugar
·                       Separar a roupa suja
·                       Cuidar da correspondência
·                       Varrer o chão da cozinha
·                       Preparar uma refeição
·                       Limpar o balcão da cozinha
·                       destralhar a casa durante 15 minutos


Vá acrescentando itens que você precisa fazer todos os dias, senão a casa entra em colapso. Nada de tarefas que não são necessárias.E para organizar a sua semana:

 Segunda-feira

·                     Jogar fora alimentos vencidos (inclusive os que estão na geladeira)
·                       Fazer uma lista de compras para a próxima ida ao supermercado
·                       ir ao mercado
·                       cuidar das plantas
·                       uma hora para abençoar o lar

·                       pagar contas pela internet


Terça-feira 

·                       Colocar o lixo para fora (verifique os dias do seu bairro)
·                       Varrer a sala e os banheiros
·                       Passar um pano úmido no chão da cozinha, da sala e dos banheiros
·                       Tirar o pó da mesa do computador
·                       Trocar as toalhas de rosto do banheiro


Quarta-feira

·                       Varrer os quartos
·                       Passar um pano úmido no chão dos quartos
·                       Colocar roupa para lavar
·                       Passar um pano limpo na porta da geladeira
·                       Tirar a tralha de cima dos balcões da cozinha


Quinta-feira

·                       Sacudir os tapetes e bater os capachos
·                       Limpar a área de serviço
·                       Limpar os banheiros
·                       Resolver pendências financeiras na rua (depósitos, saques etc)


Sexta-feira

·                       Trocar a roupa de cama
·                       Trocar as toalhas de banho
·                       Trocar as toalhas de rosto do banheiro


Sábado

·                       Tirar o pó dos móveis
·                       Varrer a casa inteira
·                       Colocar roupa para lavar


Domingo

·                       Limpar dentro do microondas
·                       Limpar o fogão
·                       Passar aspirador pela casa
·                       Definir cardápio semanal



Obrigada Thais Godinho por todas as dicas maravilhosas!!!
 



quinta-feira, 14 de novembro de 2013

Começando.

Passei um fim de semana mais que depressivo.
Sabe aqueles dias que você não quer nem falar?
Pois foi assim, sábado e domingo.
Estava na caatingueira (sitio), com os velhos.
Mas eu estava sendo tão má companhia...
Vim pra casa na segunda a tarde, quando cheguei Kelson me ligou dizendo que tinha ganho o NAGUILÊ e ia deixar aqui em casa, tudo bem falei eu.
Ele disse que ia procurar um moto-táxi e mandaria.
Fiquei esperando, quando ouvi a campainha tocando, corri e fui ver era o menino da moto com uma sacola enorme. Agradeci e entrei, quando abri a sacola UM ARRANJO DE FLORES NATURAIS LINDASSSSS E UMA PELÚCIA DE CORUJA, PERFEITA E CARTÃO QUE DIZIA, OBRIGADO POR TUDO!
Liguei pra ele morrendo de rir, pois até então não estava entendendo e ele disse por tudo o que você faz por mim e por minhas tias e eu disse que é isso, faço porque te amo.
Mas senti que os presentes realmente eram de gratidão, e não de amor como sonhei que fosse.





Tive insônia na segunda, mas na terça acordei bem cedinho e fui caminhar.
Caramba foi muito bom, voltei cheia de gás.
Ajeite umas coisas em casa.
Mas as noites estou muito insone.
Tomei um tranquilizante e dormi legal.
Na quarta, caminhada novamente e voltei toda, toda.
Tomei aquele banho agarrei meu curriculum e rumei ao Juazeiro do Norte, levei em uma empresa só.
Fui ao shopping, mas nada.
Voltei pra casa murcha.
Mas tenho fé que o meu emprego vai chegar no tempo de Deus como diz o Padre Marcelo Rossi.

Mais uma noite a base de tranquilizante.






quarta-feira, 6 de novembro de 2013

Amor Próprio e outras coisas.

Lá em casa desde que me entendo de gente, nunca fui acostumada com elogios, parabéns e outras coisas.
Não sei se pela criação tosca da minha mãe e do pai também.
E quando eu tinha meus 20 e poucos anos, não sabia que a gente tinha que se amar primeiro para depois amar os outros.
Deve ser por isso que peco tanto, que sofro horrores por amor, pois amo demais e quase nunca sou amada.
Por isso andei olhando no google sobre amor próprio e achei essa matéria muito legal.
Quem tiver paciência leia.


Imagem google




Se eu não gostar de mim, quem gostará?”
Quem nunca ouviu esta frase num dos anúncios da L’Oreál Matinal (obrigada Vanessa Jesus) vive debaixo de uma pedra mas, ainda que seja um cliché, é uma das frases que eu mais gosto. Sendo eu uma gladiadora dos tempos modernos pela luta do “melhor eu possível”(gosto do título!), o Amor Próprio é uma luta que levo muito a sério – tanto para mim como para os meus amigos.
Mas desengane-se quem pensa que esta é uma luta pontual. Na verdade, esta é uma luta que temos de travar todas as horas de todos os dias e que nunca está verdadeiramente ganha. Ainda assim, nunca é tarde para começar porque nunca é tarde para lutarmos por nós – quer tenhamos 20, 40 ou 60 anos.

AMOR PRÓPRIO

 Quem é que merece mais dedicação, afeto, carinho, adoração, veneração ou devoção que nós mesmos? Só vocês podem saber o que passaram na vida e o que vos faz feliz ao mínimo pormenor, são vocês que têm de viver o resto das vossas vidas no vosso corpo e dentro da vossa cabeça com todas as vossas escolhas, desejos, ambições e arrependimentos. Se vocês, que se conhecem melhor do que ninguém, não gostarem do que vêm ao espelho, como é que uma pessoa de fora pode gostar de vocês.

ENCONTRA TEMPO PARA TI

Uma das coisas que mais me surpreende em conversas com amigos é o fato deles não conseguirem passar tempo consigo próprios, não conseguirem olhar-se nos olhos ao espelho durante uns minutos consecutivos.
Para ultrapassar este desconforto o melhor é desimpedir a agenda e reservar algumas horas para nós. Fecha o computador, ignora o telemóvel e vai dar um passeio (não vale fazer batota e ir a ouvir música) ou aprende a meditar (é uma experiência engraçada!). Vai a algum sítio que queres ir à bastante tempo: a um museu, ver um filme que os teus amigos não gostam, experimentar aquele restaurante para o qual não arranjas companhia para ir.
Ao princípio podes sentir-te desconfortável, esquisita, vais pensar que está toda a gente a olhar para ti. A maior parte das pessoas nem vai reparar ou dar importância ao facto de estares sozinha, uma pequena parte até pode estar a falar de ti mas quem te garante que não será porque gostavam de ter a coragem de fazer algo igual?
A melhor parte é que estes sentimentos vão desaparecer e vais começar a desejar estes pequenos momentos religiosamente. Vais começar a adorá-los e perceber o quão essencial é o “Me time”.

ELOGIA-TE

É normal e é saudável sentirmos-nos bem connosco e também é normal e saudável dizer o que sentimos em voz alta por isso não tenhas medo de dar uma palmadinha nas costas a ti mesma quando fazes alguma coisa bem ou quando te sentes bonita. Porque é que podemos dizer aos outros que gostamos de os ver com aquele casaco e não a nós mesmos? Ou porque é que temos de fechar a matraca se achamos que temos uns olhos bonitos?
Pode demorar algum tempo a que o faças naturalmente mas não tenhas medo só porque não te estás a sentir à vontade. Elogia os teus olhos, a tua capacidade de ver as coisas pela positiva, de despachar trabalhos, qualquer coisa. Olha para ti no espelho e repete-o até sentires que é natural. Escreve as tuas qualidades e o que gostas na tua personalidade num caderno. Lê e relê em voz alta e internamente.
Quando sentires que é real, que é verdadeiro, que não há desconforto em admiti-lo, elogia a tua amiga, o teu namorado, aos teus pais. Manda um e-mail a alguém com o TOP 5 das suas qualidades, sorri a um estranho e elogia qualquer coisa nele. É um ciclo vicioso mas é um vicio saudável e até pode ser divertido.
DANÇA SOZINHA
Dança em frente ao espelho. Põe uma música alegre a tocar e dança ou procura no YouTube vídeos com coreografias e tenta acompanhar. Não precisas de ser uma bailarina profissional mas diverte-te! Salta, rodopia, sê sexy, atrevida ou simplesmente “solta a franga”.  Estás a queimar calorias, a tonificar os músculos e a passar um óptimo bocado. Podes fazer as figuras que quiseres porque ninguém te está a ver e até podes praticar para quando fores sair com as tuas amigas.

ENCARA UMA OUTRA PERSPECTIVA

Se 90% do mundo tivesse corpo de modelo, o objecto de desejo seria o completo oposto – os outros 10%. A imagem é importante, ninguém diz que não o é mas ainda mais importante é o que está cá dentro. Sim, voltámos aos clichés mas pensa duas vezes: até podes ser a pessoa mais bonita do mundo mas se as tuas acções forem más e mesquinhas vais perder o “encanto”.
Concentra-te na tua personalidade, melhora-a, encara-a de frente e mostra-a ao mundo sem vergonhas. Porque a beleza física não é eterna e do que as pessoas se vão lembrar é, acima de tudo, se eras uma pessoa boa, gentil, simpática, generosa. É ajudando os outros e espalhando felicidade que te vai trazer essa felicidade de volta.

ESCREVE UMA CARTA DE AMOR A TI PRÓPRIA

Quem não gostaria de receber uma carta de amor? E porque é que não podes escrevê-la a ti mesma? Podes até escrever pequenas frases em Post Its e colá-los num sítio onde as vejas diariamente. Tira uns segundos por dia para as ler – quem sabe em voz alta.
A melhor história de amor que vais viver é aquela que tens contigo própria: a da tua vida. Tem altos e baixos, desafios, alguns arrependimentos, momentos em que queres desistir e outros em que agarras a vida com unhas e dentes, lutas pelos teus sonhos e alguns são concretizados outros mudam de rumo. Escreve tudo isso numa carta ou um simples “I love you”.
O que interessa é que percebas o quanto és única e insubstituível e que todos os momentos da tua vida te levaram onde estás hoje e a ser quem tu és neste momento. Orgulha-te de ti.

FAZ EXERCÍCIO

Não precisas de te tornar uma Fitness Freak mas tira uns minutos por dia ou uma hora 2 ou 3 vezes por semana para pores o ritmo cardíaco a bater mais rápido. Podes calçar uns tênis ir correr ao pé de tua casa, ir a umas aula de yoga ou musculação num ginásio pertinho, aproveitar as vantagens da natação numa piscina ou simplesmente fica em casa e faz uns exercícios no YouTube. E se não gostas de fazer exercício sozinha, fala com uma amiga ou um grupo de amigas.
O exercício tem muitas vantagens e uma delas é ajudar no tratamento e prevenção da depressão, ansiedade e stress. Ao mesmo tempo que estás a libertar pequenas hormonas de felicidade no teu corpo estás também a reduzir as probabilidades de sofreres de várias doenças. Vives mais e vives mais feliz.

LUTA PELO QUE ACREDITAS

Mais um cliché. Damn, este post está cheio deles! Mas este tópico é um dos mais importantes porque NINGUÉM deve sentir necessidade de pedir desculpa ou sentir-se mal porque gosta de X quando todos gostam de Y. Para poderes ter amor próprio tens de perceber que tu és o teu próprio individuo, com os teus valores e as tuas crenças, os teus gostos e manias. Ninguém é mais do que tu porque gosta de coisas diferentes.
Luta pelo que acreditas e não te deixes influenciar pela opinião dos outros.

FAZ ALGO PELOS OUTROS

Porque nenhum homem é uma ilha, ajuda as pessoas à tua volta. Não precisas de ir a correr ao banco levantar todo o teu dinheiro para livrar um amigo de uma dívida de jogo, mas ninguém te impede de ajudares nas pequenas coisas. Às vezes um sorriso ou um abraço são suficientes, assim como mostrares interesse e ouvires o problema dos outros. Nestas alturas lembra-te do que gostarias que fizessem por ti.
Se quiseres algo maior, junta-te a um programa de voluntariado. Tens várias instituições que precisam sempre de mais duas mãos para ajudar. No fim do dia vais sentir-te muito melhor contigo própria, vais sentir que tens valor e que podes fazer a diferença.
Lembra-te que mais do que os grandes gestos, são os pequenos repetidos várias vezes e uma das melhores maneiras de ter amor próprio, é amando os outros!


FONTE: http://sophieoliveira.com/8-dicas-comecar-ter-amor-proprio/